quarta-feira, 24 de julho de 2013

A estrutura do livro de Números



O livro de Números deriva seu nome (em nossas Bíblias em português, como nas versões latina e grego) dos dois censos nele narrados. Quanto à ênfase na pessoa de Deus, percebemos sua benevolência e severidade ao disciplinar seu povo; já no plano para estabelecer seu reino, percebemos a organização política do reino de Deus.
No aspecto histórico, o livro de Números começa onde termina o Êxodo, dando lugar necessariamente às seções de narrativas dispersas de Levítico. Abrange um período de aproximadamente 40 anos na história da caminhada de Israel para a Palestina. Conquanto, anos estes que descrevam, em geral, a peregrinação – é evidente que o povo residiu ao sul de Canaã, principalmente na zona conhecida como o Neguebe, não muito distante de Cades-Barnéia, durante 38 anos. No decorrer desse período, o tabernáculo foi o ponto central tanto da vida civil como da religiosa, visto como era aqui onde Moisés exercia suas funções administrativas.
 Presume-se que o povo seguia os costumes dos povos nômades, vivendo em tendas e apascentando os rebanhos nas estepes semiáridas. Nestas circunstâncias, o povo necessitava da provisão especial divina de alimentos e água.
 No livro de Números, Deus é apresentado como um soberano que exige absoluta obediência à sua santa vontade, mas que, também, demonstra misericórdia ao penitente e obediente. Assim, como o pai educa e castiga a seus filhos, Deus dirige a Israel, seu povo amado.
Em suma, como já citado: Tal livro é dividido em duas partes:

1º parte: capítulo 1 a 25 – (pecado e julgamento). Fala sobre a geração ingrata e que murmurava (prova e reprova do povo de Deus), mostrando, então, a dureza do povo de Israel, que já havia andado 38 anos no deserto. Nesta parte teve o primeiro censo; morte da primeira geração dos israelitas.


2º parte: capítulo 26 a 36 – (novo grupo e nova geração). Ocorre o segundo censo; momento de esperança – um tom de otimismo -, onde estão acampados nas campinas de Moabe. Este livro termina com esta marca de esperança, porém esta nova geração ainda não fora provada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário